27 de Fevereiro de 2014

Universitários da BSGI promovem Conferência

Encontro promoveu a reflexão e o debate sobre Segurança e Desenvolvimento Humano

“Imaginemos a sociedade mundial pacífica e de convivência criadora como um edifício. Os princípios de segurança e dos direitos humanos seriam as colunas fundamentais que o sustentam. O respeito pela dignidade da vida seria seu alicerce". Proposta de Paz de 2013 do dr. Daisaku Ikeda


“Não quero mais ver a palavra ‘miséria’, usada para descrever o mundo, um país ou um indivíduo”, foi o brado enérgico de um apaixonado pela paz, o segundo presidente da Soka Gakkai, Josei Toda. Ele se referia ao principal dilema da sociedade atual: a segurança humana De que forma solucionar este dilema pacificamente? E como fazê-lo preservando diferenças, crenças e culturas? Sob o tema: Segurança Humana pela Dignidade da Vida: em busca do desenvolvimento humano, foi realizada a Conferência Nacional dos Universitários da BSGI, no último dia 14 de fevereiro, no Auditório Petrônio Portela do Senado Federal em Brasília-DF.


 Presente ao evento, o diretor geral da Soka Gakkai Internacional – SGI, Yoshitaka Oba enfatizou sobre a relevância do tema ao ler a mensagem especialmente escrita para a ocasião do presidente da SGI, dr. Daisaku Ikeda. “Façam com que a chama da justiça se propague pelo caminho da grandiosa missão. Espero que vocês, cada qual em seu campo de estudo e campo profissional, conquistem um progresso tão sólido a ponto de bradar: ‘eu erigi uma maravilhosa torre dourada de vitórias’”, diz em um trecho da mensagem.


Para melhor compreensão, tanto do tema como do desenrolar da conferência, o diplomata Sérgio de Queiroz Duarte1 e proferiu palestra sobre O conceito de Segurança Humana. “De forma simplificada, Segurança Humana significa: proteger as pessoas desenvolvendo seus pontos fortes para que possam enfrentar as situações por si mesmas; e criar sistemas políticos (sociais, ambientais, econômicos e culturais) que permitam que as pessoas vivam com dignidade e tenham seus direitos respeitados.


Já o jurista, ex-secretário Nacional de Direitos Humanos e atual presidente da Comissão de Direitos Humanos da USP, dr. José Gregori, discorreu sobre o tema Segurança Humana e os Direitos Fundamentais: O panorama no Brasil. . “Tenho uma grande expectativa nos jovens da BSGI”, ressaltou o eminente jurista, “que lutam pela paz no mundo tendo como base os ideais humanísticos do presidente Ikeda”. José Gregori esteve presente, em 1996, à Conferência sobre Direitos Humanos, naquele mesmo auditório. Na ocasião ele ocupava o mais alto posto do Ministério da Justiça. Sobre este episódio, exclamou: “ao vê-los aqui hoje, sei que não joguei a semente no deserto”.


A terceira palestra teve como tema: O Desenvolvimento Humano por meio da Educação, e foi desenvolvida pela professora Maria de Salete Silva, coordenadora do programa de Educação do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) no Brasil. Em suas palavras ela enalteceu a importância da educação para a criação de pessoas conscientes, de grandes valores; e ainda a influência que este fato possui na construção de uma sociedade de paz.


Após as palestras, Ricardo Miyamoto, coordenador Geral do Núcleo de Jovens da BSGI, Felipe Fujii e Roberta Guimarães, coordenadores do Núcleo de Universitários da BSGI, subiram ao palco para a apresentação de propostas para a edificação de uma sociedade fundamentada na Segurança Humana em prol da Dignidade da Vida.


“O objetivo da Segurança Humana é alcançar a Dignidade da Vida”, explicou Miyamoto. Focado no Indivíduo, a segurança humana tem como objetivo desenvolver a pessoa de forma que ela se fortaleça e crie consciência do essencial do ser humano: a vida como um bem insubstituível. Segundo ele, quando enxerga o outro como um cidadão com direito à vida, qualquer tipo de ataque deixa de ter razão de ser (desde a forma mais simples até as mais complexas guerras) e passa a respeitá-lo, estabelecendo-se a empatia mútua. Na Proposta de Paz de 2013 , o dr. Daisaku Ikeda enaltece: “Para que o respeito à dignidade da vida seja o fundamento de um esforço contínuo é necessário que as pessoas do mundo inteiro sintam e vivam esse respeito de maneira palpável, em seu próprio modo cotidiano de ser e viver”.


A principal proposta apresentada gira em torno do tema: Educação em Direitos Humanos. Segundo os coordenadores dos jovens da BSGI, o meio mais efetivo de promover o desenvolvimento real e perene de uma sociedade tem de passar necessariamente pela educação. É somente por meio dela que se gera a conscientização necessária à transformação individual e, a partir disso, a mudança global.


É dessa forma, que a BSGI vem agindo, com base no conceito de profundo respeito a todas as diferenças, sejam quais forem, buscando o entendimento e a conciliação, com base no diálogo sincero de pessoa-a-pessoa, conforme bem colocou o dr. Daisaku Ikeda, "o conceito de cultura dos direitos humanos tem como objetivo a promoção de um ethos social, pelo qual as pessoas valorizem a dignidade humana. É uma forma de incentivar cada indivíduo a agir conscientemente para reforçar os seus direitos".


O grande momento do evento se deu a partir destas proposições, quando foi realizado o fórum cujo objetivo foi enaltecer o conceito, focar no indivíduo e aproximar o termo do dia a dia, das ações práticas para tornar real o objetivo central da Segurança Humana: Alcançar a Dignidade da Vida.


No final, a conclusão e defesa do debate: o desenvolvimento só ocorrerá por meio da educação. Sobre esse assunto o presidente da SGI enfatizou em sua Proposta de Paz de 2011 2: “A principal atenção da SGI na educação como instrumento para promover os direitos humanos surge da ênfase que dá o Budismo à transformação interior”. O evento encerrou-se os presentes decididos a buscar esta transformação, partindo da essência do ser humano, focando-se na Educação em Direitos Humanos como chave para alcançar a Segurança Humana e Dignidade da Vida.


Ex-subsecretário geral do Serviço Exterior no Ministério das Relações Exteriores, presidente da Conferência de Exame do Tratado de Não-Proliferação de Armas Nucleares (TNP), Alto Representante das Nações Unidas para Assuntos de Desarmamento.


http://www.culturadepaz.org.br/media/propostas/proposta_paz2013.pdf


 

Voltar para o topo

Outras notícias

Agosto de 2016

Julho de 2016

Junho de 2016

Maio de 2016

Abril de 2016

Março de 2016

Fevereiro de 2016

Mais notícias

Notícias + lidas

Sede Central da BSGI
Rua Tamandaré, 1007
Liberdade - São Paulo - SP
Brasil
CEP: 01525-001
Telefone
+55 11 3274-1800

Informações
informacoes@bsgi.org.br

Relações Públicas
rp@bsgi.org.br
Informações Gerais
Contatos
Newsletter

Redes Sociais
Facebook
YouTube
Instagram
Twitter
Sites Relacionados
Soka Gakkai Internacional
Daisaku Ikeda
Josei Toda
Tsunesaburo Makiguchi
Cultura de Paz
Editora Brasil Seikyo
CEPEAM
SGI Quarterly
Escola Soka do Brasil
Extranet BSGI