23 de Maio de 2014

TRT recebe Sementes da Esperança

A exposição ficará aberta à visitação de 2 a 11 de junho. Entrada grátis

Visitantes da mostra exibida em Diadema-SP, 2013

Integrando a programação da Semana do Meio Ambiente, promovida pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) de São Paulo, a exposição Sementes da Esperança – Visões de sustentabilidade, passos rumo às mudanças será exibida de 2 a 11 de junho, na sede do órgão (TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO – Praça da Justiça do Fórum Ruy Barbosa – Avenida Marquês de São Vicente, 235 – Barra Funda). A visitação é aberta e gratuita, de segunda a sexta das 9h às 18h. É a 8ª edição desta mostra no Brasil.


Desde a sua chegada ao país – especialmente para a Rio+20 em 2012 - esta será a primeira exibição na capital paulista. A realização desta edição se deve aos constantes esforços da BSGI em difundir suas ações e propostas. “Foi devido a isso que integrantes do TRT empenhados em realizar algo voltado à sustentabilidade, tomaram conhecimento dos eventos culturais realizados pela organização, quiseram conhecer mais a fundo o que faziamos, por isso o desejo de expor a Exposição Sementes da Esperança”, contou Hilda Fujii, coordenadora do Departamento de Juristas da BSGI.


A principal mensagem de Sementes da Esperança é quanto à conscientização sobre a importância de repensar a relação entre os seres humanos para superar os conflitos decorrentes da discriminação – intolerância étnico-religiosa, social, política e econômica. E, em especial, conscientizar os membros da família humana de que todos vivemos no mesmo planeta, e que a harmonia entre homem e meio ambiente é crucial para a plenitude global. Só assim será possível obter um real desenvolvimento sustentável. Sua realização é uma parceria entre a SGI e a Iniciativa Carta da Terra Internacional (ECI).


O poder da transformação é o ponto comum que une os princípios da ECI e da SGI e conduz esta montagem. Os princípios da Carta da Terra são destacados em todos os painéis da exposição, que retratam de forma geral, os três fundamentos da Agenda 21: Aprender, Refletir e Empoderar.


Especialmente para esta edição brasileira, a mostra ganhou uma extensão denominada “Ambiências Urbanas no Brasil – Sujeitos e Ambientes em Constante Transformação” que apresenta as múltiplas dimensões da compreensão e concepção do espaço urbano brasileiro. Os temas abordados são: a forma como ocorreu a apropriação do território brasileiro; o modelo de desenvolvimento adotado; a formação do povo brasileiro; e, a reflexão sobre a possibilidade de uma “nova revolução” da vida que possa influir diretamente no equilíbrio do planeta e na convivência de todos os seres vivos.


A exposição Sementes da Esperança foi traduzida para seis idiomas, visitada por 1,5 milhão de pessoas e montada em importantes espaços e eventos em 24 países e territórios, como: palácio de Haia, na Holanda; Centro para a Educação Ambiental da Índia; Conferência Anual da NGO do Departamento de Informações Públicas das Nações Unidas, em Bonn; Olimpíada da Juventude, em Cingapura; e na Rio+20.

Voltar para o topo

Outras notícias

Agosto de 2016

Julho de 2016

Junho de 2016

Maio de 2016

Abril de 2016

Março de 2016

Fevereiro de 2016

Mais notícias

Notícias + lidas

Sede Central da BSGI
Rua Tamandaré, 1007
Liberdade - São Paulo - SP
Brasil
CEP: 01525-001
Telefone
+55 11 3274-1800

Informações
informacoes@bsgi.org.br

Relações Públicas
rp@bsgi.org.br
Informações Gerais
Contatos
Newsletter

Redes Sociais
Facebook
YouTube
Instagram
Twitter
Sites Relacionados
Soka Gakkai Internacional
Daisaku Ikeda
Josei Toda
Tsunesaburo Makiguchi
Cultura de Paz
Editora Brasil Seikyo
CEPEAM
SGI Quarterly
Escola Soka do Brasil
Extranet BSGI